Les marchés de Noël

IMG_6429
Barraquinha de artesanato no mercado da Champs- Elysées. Foto: Uiara Araújo

Segundo alguns historiadores, o primeiro Mercado de Natal da Europa data de 1294 e aconteceu em Viena. Mas foi a partir do século XIV que esta tradição começou a se espalhar pela Europa, principalmente Áustria, Suíça, Alemanha e França. A partir dos anos 90, este evento se popularizou e conquistou grandes e pequenas cidades, trazendo magia, cores, romantismo e um pouco de calor para o inverno Europeu!

O MERCADO DE STRASBOURG
O maior e mais famoso marché de Noël da França é chamado de Christkindelsmärik (mercado do menino Jesus no dialeto local) e fica em Strasbourg, na Alsácia. Ele foi fundado em 1570 e hoje conta com mais de 300 barracas organizadas em 12 diferentes pontos da cidade. Luzes e decoração natalina encantam os olhos dos visitantes que têm à disposição muito artesanato local, comidinhas típicas e apresentações musicais e teatrais.

EM PARIS
A capital francesa tem mercados espalhados por toda parte, como La Défense, Montparnasse e Saint Germain. O mais famoso deles é montado na Champs-Elysées e recebe cerca de 15 milhões de visitantes todos os anos. A avenida mais famosa de Paris fica toda iluminada para a ocasião e suas calçadas recebem 180 barraquinhas a partir da segunda quinzena de novembro até 3 de janeiro.
Como toda feirinha natalina, ali você vai encontrar opções de presentes e muitos quitutes: cachorro-quente, crepe, churros, vinho quente, tartiflette… Para as crianças há patinação no gelo, roda gigante e, é claro, o Papai Noel!

INFORMAÇÕES PRÁTICAS:
Marché de Noël de Strasbourg
De 27 de Novembro a 31 de dezembro – Das 10h às 20h (sexta e sábado até 21h)

Marché de Noël des Champs-Elysées
Aberto até o dia 3 de janeiro, das 12h à meia-noite (sexta e sábado até 01h)
Metrô: Concorde (linhas 1, 8 e 12), Champs-Elysées Clémenceau (linhas 1 e 13) et Franklin Roosevelt (linhas 1 e 9).

 

Helena Ribeiro é brasileira, atriz e mestre em Estudos Teatrais pela Universidade Paris 8. Atualmente cursa o segundo ano de História da Arte e Arqueologia na Universidade Paris-Sorbonne e organiza passeios culturais guiados por Paris junto com sua amiga, a também brasileira, Caroline. Para saber mais sobre os passeios, clique aqui.